“A gente tem que contratar”, diz Tencati sobre Vitória na Série B

Com pouco mais de uma semana para o início da Série B do Brasileirão, o Vitória continua se movimentando em busca de novas peças para reforçar o time na sequência da temporada. No treino da quarta-feira, 17, as novidades se deram pelo zagueiro Everton Sena, que chegou do Novorizontino, e os jovens Ruan Potó e Caique, recém-promovidos do sub-20.

Sobre o zagueiro, o treinador Cláudio Tencati deu enfoque nesta quinta, 18, nos atributos do mais novo reforço do Leão, e ratificou a importância de o clube captar jogadores para a Segunda Divisão.

“A gente tem que contratar. Everton Sena, inclusive, era para ter chegado na partida contra o Fortaleza […] Conhece bem a competição, viril, de muita capacidade, rápido. Casa bem com Victor Ramos e Edcarlos. Dá para rodar entre os três tranquilamente. Gosto sempre de manter essa estrutura, um atleta mais rápido, um mais cadenciado, um mais técnico, que se posiciona bem”, revelou.

Mesmo com as três novidades, Tencati ainda demonstrou interesse na chegada de novos atletas. Com base nisso, ele também enfatizou a possibilidade de buscar promessas na formação do clube para suprir as carências na equipe.

“Precisamos contratar mais um lateral-direito, mais um meia armador. Temos hoje o Neto melhorando no treinamento, e o Léo Ceará que estamos investindo, mas precisamos de um camisa 9, para disputar com os dois. Precisamos de três atacantes de lado. Inclusive puxei o Ruan Potó e Caique, do Sub-20. Espero que continuem dessa forma, pois podemos, em vez de contatar três, contratar só dois de beirada e investirmos mais um pouco em um atleta de ponta. Espero que rapidamente a gente consiga terminar as contratações”, disse o comandante do Leão.

Questionado sobre a estreia do time diante do Botafogo-SP, dia 27, às 11h, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, Tencati afirmou já ter uma ideia do time ideal, mas que prefere manter segredo até o dia da partida.

“Era necessário chegar mais dois jogadores para agregar. Se seriam titulares ou não, a gente teria que medir. Mas seria importante. Tenho ideia de jogo, ideia de formação. Estamos treinando […] A equipe tem tido uma evolução. Não posso revelar, Roberto Cavalo está antenado para saber tudo do Vitória. A gente também. A gente tem uma ideia cravada na cabeça do que vamos querer para esse primeiro jogo”, concluiu. (As informações do A Tarde)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *