Bono Vox compara Bolsonaro a demônio em show do U2 na Irlanda

Ativista, o cantor Bono Vox ironizou diversas lideranças políticas do mundo, em um show realizado neste domingo (28), em Belfast, na Irlanda do Norte. Usando uma fantasia do demônio MacPhisto o artista criticou nomes como o americano Donald Trump, o filipino Rodrigo Duterte e o recém-eleito presidente do Brasil, Jair Bolsonaro. “Os demônios de MacPhisto estão tomando o poder ao redor do globo.

Meu tipo de pessoa, como Donald, fazendo a América odiar de novo. Meu bonitão filipino, Rodrigo Duterte”, disse Bono. “Mesmo hoje, nesse dia de eleição. Duzentos milhões de pessoas prestes a ter seu carnaval transformado numa parada militar por um homem chamado Capitão Bossa Nova.

Bolsonaro, não esqueçam o nome. Muitos nomes, mas apenas um rosto. O meu”, criticou o músico, em referência às eleições presidenciais no Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *