Google Chrome vai interromper abas inativas que devoram memória em 2º plano

O Chrome nasceu para ser uma alternativa leve ao Internet Explorer e um concorrente para o Firefox. Ao longo dos anos, ficou tão complexo que chegou ao patamar de sistema operacional e o maior desafio dos engenheiros da Google é mantê-lo com baixo consumo de memória RAM — o que anda cada vez mais difícil. Para solucionar parte desse problema em ambiente mobile, a companhia trabalha atualmente em um recurso que encerra as atividades de abas inativas em segundo plano.

De acordo com o pessoal do XDA Developers, indícios da novidade foram encontrados no escritório virtual de desenvolvimento aberto Chromium Gerrit, onde uma equipe procura por maneiras de diminuir o consumo de RAM no Chrome para Android. A ideia é otimizar o desempenho do aparelho ao interromper aplicações que estiverem ociosas em background por mais de cinco minutos. Com isso, além de liberar memória para melhorar a performance, será possível economizar a vida útil da bateria.

Segundo a documentação disponível online, os testes dos últimos cinco meses resolveram todos os bugs encontrados até agora e as métricas revelam que a ações do CPU realmente reduziram a carga no background — e, além disso, as atividades no primeiro plano ficaram mais eficientes quando há duas ou mais guias em carregamento. A Google sabe que muita gente ouve música e assiste a vídeos no modo picture-in-picture enquanto navegam com o Chrome, portanto, essas reproduções não serão afetadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *