Lula tem passaporte e roupas furtados em Curitiba, diz Gleisi

A presidente do PT, Gleisi Hoffmann, afirmou nesta terça-feira (17) que objetos pessoas do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foram furtados em Curitiba nesta madrugada. Segundo ela, foram levados o passaporte de Lula, roupas e talões de cheque.

Os objetos estavam no carro de um assessor do petista, que foi arrombado no bairro de São Francisco, perto do diretório do PT na cidade. No veículo também estavam outros itens de Lula, incluindo cartas escritas para ele por eleitores, roupas de cama e uma pasta de documento.

O carro era usado pelo assessor de Lula, Edson Antônio Moura Pinto – segundo O Globo, o mesmo que em dezembro de 2013 comprou dois pedalinhos para o sítio de Atibaia, alvo de outra investigação da Lava Jato.

“Estamos muito preocupados com esse caso de furto de objetos pessoais do presidente. Levaram roupas limpas, de cama e já lavadas, cartas, pasta com documentos com talões de cheque e passaporte. Pode ter sido um furto casual, mas pode ter sido outra coisa. Estamos falando da segurança do presidente”, afirmou Gleisi.

A Polícia Civil do Paraná confirmou o furto, mas não informou se os itens levados eram de Lula. Segundo a Polícia, o assessor do ex-presidente deixou um Ford/Ka estacionado e, ao retornar, notou o arrombamento. Em nota, a corporação acrescentou ainda que além dos outros documentos, que incluiam um passaporte, também foram levados um frigobar e um celular. A Delegacia de Furtos e Roubos investigará o caso. (As informações do Correio)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *